terça-feira, junho 26, 2007

u.u



Mais um dia, mais do mesmo, mais problemas, mesmas pessoas, mesma vista, mais stress... algumas fugas, alguns delitos, hora do almoço: “o de sempre por favor!” sem mudanças, sem vontade, cotidiano, sem perspectiva, sem metas, apenas existindo...

4 Comentários:

Anonymous lucy disse...

a mesmice sempre me entorpece antes de aceitar de peito aberto a complicação...mesmice que cotidianamente me entrega a dois "simplórios" movimentos, rotação e translação.

11:03 PM  
Anonymous Alessandro Bacchini disse...

Sim, que neuróticos seríamos se não nos fosse presente a cada momento uma repetição? Se dar conta disso pode ser um passo pra questionar-se, e quem sabe, descobrir os porquês disso tudo.
=]
viva o incômodo nosso de cada dia!

12:04 PM  
Anonymous Lais disse...

mas
mas...mas.. mas, mas...pq isso???
=/

12:04 PM  
Blogger Peter B. Parker disse...

é mais ou menos a descrição da minha vida nos últimos meses.


a única excessão nisso é a lidia..o sorriso bom. :)

3:58 AM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial